Agricultores potiguares recebem títulos da terra após 23 anos de espera

A partir da titulação, as famílias poderão solicitar créditos junto às instituições financeiras para investir nas suas produções. Foto: Divulgação.

Há 23 anos os agricultores do assentamento José Milanez, no município de Lagoa Nova (RN), a 209 quilômetros de Natal, esperavam ter em mãos o documento que atesta que a terra pertence a eles. A espera terminou na última quinta-feira (5), quando representantes do Incra no Rio Grande do Norte entregaram 95 Títulos de Domínio na localidade.

A partir da titulação, as famílias poderão solicitar créditos junto às instituições financeiras para investir nas suas produções. “Nossa sensação é de satisfação e dever cumprido ao ver o rosto de cada pessoa que assina e recebe seu Título. Estamos levando dignidade a cada cidadão assistido pelo Incra”, afirmou o superintendente do Incra no estado, Marcelo Gurgel.

A entrega dos títulos definitivos de posse da terra aconteceu na sede social do assentamento José Milanez e contou com as presenças de autoridades locais, além dos representantes dos sindicatos rurais do município.

Números

Desde 2019, foram emitidos quase 4 mil títulos definitivos no Rio Grande do Norte, um marco na reforma agrária. Ano passado, o Rio Grande do Norte foi o estado que mais emitiu Títulos Definitivos no país, um total de 1.301.